Como tudo começou pra ela

Ela até 5 anos atrás era uma mulher nascida para fazer uma brilhante carreira em grandes multinacionais! Além de workaholic e extremamente competente, não via sentido em tirar férias. As férias atrasavam os projetos da empresa…

Nos conhecemos há 8 anos. Nesses primeiros 3 anos era sempre eu quem agitava nossas viagens de férias. Ela ia para as viagens como quem vai pra academia: no começo ia meio se arrastando, não muito animada, mas depois até gostava de ter ido.

Mas, quando propus uma viagem de carro de Vinhedo-SP até a Bahia para os nossos 20 dias de férias na virada do ano de 2010 para 2011, ela deve ter se contorcido por dentro…

Com uma expectativa baixíssima da parte dela, essa viagem tinha tudo mesmo para surpreendê-la. Mas foi muito além disso!!! Depois te termos passado excelentes dias na Chapada Diamantina e na maravilhosa Itacaré, desembarcamos em Trancoso com um espírito já bastante elevado. Xubis já estava com um olhar para as coisas bastante diferente daquela menina que eu originalmente conheci no escritório da empresa em que trabalhávamos, mas ela ainda não tinha se dado conta disso.

E foi então que numa tarde de Janeiro de 2011, na Praia dos Nativos em Trancoso, ela teve um momento epifânico que seria o início de uma grande transformação na sua vida e, por consequência, nas nossas vidas (a foto que ilustra o post foi tirada exatamente nesse dia). Desse dia em diante, aquela menina que tinha o trabalho como o centro do seu Universo percebeu como o Universo era de fato infinitamente maior que isso…

Trancoso
Trancoso, Janeiro/2011. Nossa mudança começava ali…

Mas ao mesmo tempo que algumas coisas ficaram mais claras para ela, como ir atrás de viver uma vida mais completa e também mais alinhada com seus valores pessoais, o mundo que até então ela conhecia desmoronou completamente.

Ela queria agora urgentemente encaixar em sua vida todas essas outras coisas que haviam ficado para trás. E percebeu que a carreira corporativa não abriria espaço suficiente para conciliar isso tudo. Ainda mais para alguém que jamais “deixou a caneta cair às 17:30h”. O caminho, portanto, seria abrir um negócio próprio…

Nesse momento em diante estávamos numa cumplicidade que até então não havíamos vivenciado juntos!
Num ímpeto de correr atrás do tempo perdido ela queria, ao retornar para São Paulo, pedir demissão. Porém, eu a convenci de aguardar o melhor momento, pois essa vontade que ela estava sentindo de abandonar o mundo corporativo já me angustiava há algum tempo e, agora juntos, eu estava convicto que encontraríamos uma boa maneira de sairmos dessa!

Mas ela, apesar de não ter tomado nenhuma atitude drástica com relação ao emprego, não teve a mesma postura na sua vida particular. A Xubis iniciou uma profunda transformação pessoal.

Conseguir mudar características estruturais, características que parecem que já vieram conosco no nosso DNA, é para poucos e a Xubis conseguiu mudar algumas daquelas mais profundas!

Bom, depois dessa revolução toda, a saída do mundo corporativo não era mais uma questão de “será que vamos conseguir sair?” era apenas uma questão de “quando e como vamos sair?”…

E nesse longo período entre a tarde inspirada de Trancoso e nossa efetiva saída da empresa, a Xubis acrescentou um outro ponto fundamental à sua busca por uma vida mais leve: agora ela quer também ter a flexibilidade de trabalhar de qualquer lugar do mundo!!!

Pois é, eu não imaginava que ela fosse se tornar tão ambiciosa… ☺

A história continua aqui

5 Comentários Como tudo começou pra ela

  1. sandra 12 de outubro de 2015 às 12:26

    Amei compadre, é isso ao correr atrás dos objetivos com uma vida mais leve e com tempo de se curtir..

    Responder
    1. Rafael Menezes 12 de outubro de 2015 às 18:18

      Obrigado Comadre!!! Quero ter disponibilidade para poder aproveitar também vcs, minha família!!!
      Um beijo e obrigado pelo carinho!!!

      Responder
  2. Edna 14 de outubro de 2015 às 01:54

    Já estou achando tudo isso fabuloso, muito bem bolado, bem escrito, será minha leitura diária para poder acompanhar vocês. Preciso acrescentar que ela passou por uma profunda transformação pessoal. Ela amava o trabalho e o que fazia era com perfeição. Quem a conheceu antes de ser mãe, sabe que ela mudou todas as características, que vieram com ela ou que adquiriu durante a vida, mas que fará a diferença para essa nova fase, e que seja doce, de muita alegria, paz e felicidades.

    Responder
    1. Rafael Menezes 14 de outubro de 2015 às 13:39

      Olá Edna!
      Com certeza tudo que a Tati fez, foi e passou será de importância fundamental para ela nessa nova fase! Ela levará pra sempre com ela todas as experiências vividas. Porém, agora essa perfeição que ela dedicava ao trabalho como funcionária de multinacional será canalizada para outras coisas, uma delas é, sem dúvida, a criação do Chico… e veja como ele é inteligente, bem humorado, experimenta (e gosta!) de todos os tipos de alimentos!!! Está tendo um início de vida perfeito, graças a Tati!!!

      Responder
  3. Edna 14 de outubro de 2015 às 14:22

    O Chico, ponto fundamental e primordial nessa fase tão linda é exatamente a presença de vocês, ele que já é bem humorado, carismático, calmo, uma criança que come e dorme bem, terá mesmo um inicio de vida muito mais que perfeito! Bjos

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *