Kuala Lumpur
Uma Esperança na Paz

KL por ele

O que me marcou na nossa visita por Kuala Lumpur foi observar o dia-a-dia pacífico entre 3 povos completamente diferentes entre si: Muçulmanos, Chineses e Indianos.

Kuala Lumpur comprova que uma convivência real e cotidiana (sem muros, sem guetos) entre pessoas diferentes sempre acabará dando espaço para uma maior tolerância, por mais distintas que sejam. E é isso que se vê nas ruas da capital da Malásia.

National Textile Museum
National Textile Museum

Por ser uma monarquia islâmica os mulçumanos são os que ocupam os cargos públicos, ficando, portanto, grande parte da iniciativa privada a cargo dos Chineses e Indianos (comércios, taxis, e etc.). Assim, as 3 “tribos” se encontram diariamente pois acabam prestando serviço umas para as outras.

E não se sente nenhuma tensão no ar. Não é porque eles têm uma educação superior ao resto do mundo ou uma consciência étnica mais elevada. Eles vivem em perfeita paz pois estão acostumados uns aos outros. Simples assim. O normal para eles é conviver com quem é diferente! E talvez esse seja o segredo para a tolerância de que tanto o mundo está necessitando.

Esperança na Paz
Chico tirando uma selfie com as simpáticas muçulmanas!

É bastante curioso andar pelas ruas de Kuala Lumpur, ou KL como eles chamam, e ver a clara distinção entre as etnias, que é muita nítida logo de cara, no aspecto físico. Andando na rua é muito evidente reconhecer se uma pessoa em KL é muçulmana, indiana ou chinesa.

E essa realidade dos 3 povos convivendo dessa forma vai perdurar por muito e muito tempo. Uma muçulmana não aceitaria (nem poderia) casar com uma pessoa de outra religião, as indianas ainda nos dias de hoje são prometidas aos seus maridos (indianos) logo aos 11-15 anos de idade e praticamente não há divórcio nesta cultura, e os chineses, digamos, que não gostam muito de se misturar com outros povos mesmo… Uma miscigenação, como ocorreu rapidamente no Brasil, vai levar muitos séculos para acontecer e misturar a população que vive hoje em Kuala Lumpur.

Sendo assim, a Malásia permanecerá por muito tempo sendo um oásis de esperança numa tão sonhada Paz Mundial…

Petronas Tower, símbolo de KL
Petronas Tower, símbolo de KL

Para detalhes da nossa experiência em Kuala Lumpur clique aqui. E sobre KL com bebê, contamos tudo no ChicoOnTheRoad.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *